BUROCRACIA: Letra morta

Por ETCO
23/03/2009

Fonte: ISTOÉ, 23/03/2009

Em dezembro passado, o ministro das Comunicações, Hélio Costa, enviou ofício à presidência da ECT cobrando a reativação do sistema que identifica drogas e explosivos em volumes e envelopes despachados através dos Correios. À época, sem manutenção, só 15 dos 135 detectores funcionavam nos centros de triagem da estatal. Passados três meses, a situação é a mesma.