Lula cria grupo para estudar cerco à pirataria

Por ETCO
25/03/2004

Fonte: Diário de S. Paulo, 25 de março de 2004

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva prometeu ontem, ao presidente do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial, Emerson Kapaz, que vai criar grupo de trabalho para estudar como o Governo poderá lançar um programa nacional de combate à sonegação, à pirataria e à falsificação.


Segundo Kapaz, o Governo perde por ano R$ 160 bilhões com o contrabando e falsificação.


Lula prometeu criar o grupo de trabalho envolvendo os ministérios da Fazenda, Casa Civil, Justiça e Minas e Energia para estudar o tema e ouvir as propostas do grupo. Para Kapaz, é necessária maior integração dos órgãos do Governo para o combate à pirataria.


Ele citou a atuação da Secretaria de Direito Econômico, que combate a concorrência predatória, mas que deixa de agir em casos de sonegação por não ter os dados da Receita Federal.