Projeto Escola Legal chega à Amcham-Goiânia

Por ETCO
02/09/2008

Fonte: Portal Fator Brasil, 02/09/2008

São Paulo – O Projeto Escola Legal, da Amcham-Goiânia (Câmara Americana de Comércio), será lançado oficialmenteno dia 3 de setembro (quarta-feira), o Ministério Público do Estado de Goiás (Rua 23, Qd. 06, Lotes 15 a 25, Jardim Goiás). Em Goiânia, a iniciativa conta com a participação de seis escolas, sendo três públicas.

O Projeto Escola Legal visa à conscientização de jovens estudantes a respeito da pirataria no Brasil e no mundo. A iniciativa trabalha o tema direcionando seus esforços principalmente para a capacitação de professores sobre a importância do conceito de propriedade intelectual, destacando os problemas causados pela pirataria, abordando questões de ética, valores, pensamento coletivo e formação de cidadãos conscientes e preparados para os desafios atuais.

A iniciativa conta com o apoio do ICDE (Instituto de Combate à Fraude e Concorrência Desleal), responsável pela execução do projeto nas escolas, e dos patrocínios da ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software), ETCO (Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial), Merck Sharp & Dohme, Microsoft Brasil, MPA (Motion Picture Association), CELG (Companhia Energética do Estado de Goiás), CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Goiânia) e Via Filmes, além do apoio do Ministério da Justiça, do Conselho Nacional de Combate à Pirataria, Ministério Público do Estado de Goiás; INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial); Secretaria de Educação do Estado de Goiás e escolas parceiras.

Lançado em 2007, o projeto já recebeu dois prêmios importantes: AACCLA – Associação das American Chambers of Commerce da América Latina, na categoria de Projeto Mais Criativo de 2007; e um prêmio internacional oferecido pela empresa farmacêutica Merck Sharp & Dohme, direcionado a organizações que desenvolvem trabalhos que promovam o desenvolvimento social dos cidadãos de seu país.

Perfil da Merck & Co. e a Merck Sharp & Dohme – A Merck & Co., Inc., é uma empresa farmacêutica que pesquisa, desenvolve, produz e comercializa vacinas e medicamentos em áreas críticas da medicina há mais de um século. Foi uma das responsáveis por produzir a penicilina em larga escala, sintetizou a vitamina B6 e B12, descobriu a cortisona, a vacina contra sarampo, caxumba e rubéola, medicamentos anti-Aids que fizeram com que a doença passasse a ser considerada crônica e não fatal e recentemente descobriu a primeira vacina contra câncer de colo de útero. A empresa dedica grandes esforços para aumentar o acesso aos seus produtos por meio de programas sociais, incentiva o desenvolvimento de ciências de saúde e biomédicas e ambientes que promovam a inovação e desenvolvimento econômico, além de divulgar informações sobre saúde como uma prestação de serviço à população. No Brasil desde 1952, a empresa é denominada Merck Sharp & Dohme (MSD) e conta com um escritório central, localizado em São Paulo, e uma unidade fabril, situada na região de Campinas, São Paulo, que completa 50 anos em 2008.