Remédio

Por ETCO
27/08/2007

Fonte: Monitor Mercantil, 27/08/2007

A denúncia foi feita pela Câmara de Medicamentos do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (Etco). A câmara reúne as grandes indústrias, responsáveis por 70% da produção do setor, e lista outros números: com os impostos sonegados seria possível ampliar em 50% o gasto com internações do Ministério da Saúde; ampliar em 42% a distribuição de medicamentos pelo Sistema Único de Saúde (SUS); e com a diferença de preço gasto em similares ao invés de genéricos oficiais seria possível aumentar em 50% o potencial de consumo de medicamentos dos 20% mais pobres.