CNCP tem nova composição em 2012

O Ministério da Justiça divulgou, no dia 1 de fevereiro, a nova composição do Conselho Nacional de Combate à Pirataria e Delitos contra a Propriedade Intelectual (CNCP). O ETCO está entre os integrantes. A seleção se deu por processo público aberto no final de 2011.

Em 2012, os trabalhos do CNCP se concentrarão nos seguintes eixos de atuação: aperfeiçoamento das metodologias de diagnóstico e de avaliação dos impactos econômicos da pirataria, e aprofundamento das ações de articulação institucional e federativa, com foco nas vertentes econômica e de capacitação. O objetivo central é embasar o debate em torno da proteção de direitos intelectuais no País e compatibilizar seus instrumentos com a observância da cidadania e da livre circulação de informação.

O Conselho se enriquece também com a instalação do Painel de Colaboradores, que vai ampliar o diálogo com setores interessados. Os novos conselheiros e os membros do painel de colaboradores tomam posse na primeira sessão do CNCP de 2012, na terça-feira, 7 de fevereiro.

Confira os representantes e instituições integrantes da nova composição do CNCP:

Associação Brasileira da Propriedade Intelectual:

Luiz Henrique do Amaral e José Henrique Vasi Werner

Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa:

Antonio Britto e Marcelo Ernesto Liebhardt

Centro de Tecnologia e Sociedade da Fundação Getulio Vargas:

Pedro Nicoletti Mizukami e Ronaldo Lemos

Fórum Nacional de Combate à Pirataria e à Ilegalidade:

Edson Luiz Vismona e Rafael Garcia Pereira Bellini

Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial:

Roberto Pinto Ferreira Mameri Abdenur e Heloisa de Moura Ribeiro

União Brasileira de Vídeo:

Tânia Lima

Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas para o Acesso à Informação da Universidade de São Paulo:

Pablo Ortellado e Jorge Machado

Na mesma ocasião, será composto o Painel de Colaboradores do CNCP com a seguinte composição:

Associação Brasileira de Produtores de Disco:

Paulo Rosa Junior e José Eduardo Garcia Rajo

Associação Brasileira de Empresas de Software:

José Curcelli e Antonio Eduardo Mendes da Silva

Associação Nacional de Garantia dos Direitos Intelectuais:

José Henrique Wasi Werner e Roosevelt da Silveira Senra

Confederação Nacional da Indústria:

Ricardo de Figueiredo Caldas e Dianna de Mello Jungmann

Confederação Nacional do Comércio:

Natan Shiper e Tatiana de Fátima Machado Dunshee de Abranches

Grupo de Proteção à Marca:

Fábio César Espejo e Luiz Cláudio Garé

Motion Pictures Association:

Marcos Oliveira e Antonio Borges Filho

(Fonte: Agência de Notícias do Ministério da Justiça)

 

Compartilhe