Empresários pedem ao Congresso que não aprove mudanças no PIS/Cofins

Associação Comercial de São Paulo e outras entidades avaliam que alteração pode aumentar tributação sobre serviços

BRASÍLIA – A Associação Comercial de São Paulo e outras entidades estiveram ontem no Congresso entregando documento contra o aumento de impostos e, principalmente, a mudança na sistemática de cálculo do PIS/Cofins. Para as entidades, a mudança poderá aumentar a tributação sobre o setor de serviços. O documento diz que “ao mudar a incidência sobre valor adicionado, dependendo da alíquota que for estabelecida, provocará aumento da tributação para o setor de serviços, que se tornará ainda mais insuportável, iniviabilizando milhares de empresas e empregos”. Para o setor, conforme o documento, “ao invés da propalada simplificação, a medida ampliará ainda mais a complexidade e os custos da asfixiante burocracia”.

Fonte: O Globo (23/09)

Cliquei aqui para ler a matéria completa.

Compartilhe