Campanha ‘O meu sonho, eu não arrisco’ orienta jovens empreendedores

A ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software) lançou no início de junho a campanha “O MEU SONHO, EU NÃO ARRISCO”, que faz parte da iniciativa Empreendedor Legal, idealizada pelo comitê de Defesa da Propriedade Intelectual da entidade. A nova campanha tem o objetivo de orientar os jovens empreendedores brasileiros sobre a dimensão dos riscos que podem correr ao utilizar softwares ilegais em suas empresas.
 
Criada pela agência Righetti, a campanha publicitária trará dois vídeos motivadores de 30 segundos com depoimentos de personagens empreendedores bem sucedidos, que contarão histórias de superação sem arriscar o seu negócio, apontando como exemplo de atitudes que incentivam a gestão eficiente: a emissão de notas fiscais, o registro dos funcionários e a adoção de software legalizado. Com uma ação multiplataforma, a campanha será veiculada em painéis digitais de elevadores, rádio, web, jornais e revistas.
 
Segundo a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM), três em cada dez brasileiros adultos entre 18 e 64 anos possuem uma empresa ou estão envolvidos com a criação de um negócio próprio. De acordo com a pesquisa, ter um negócio próprio é o terceiro maior sonho dos brasileiros. O primeiro é ter uma casa própria e o segundo, viajar. A pesquisa ainda colocou o Brasil no topo do ranking mundial de empreendedorismo à frente de nações como China, Estados Unidos, Reino Unido e Japão e França.“Nosso objetivo é orientar quem tem seu próprio negócio sobre assuntos que podem causar dúvidas no licenciamento de software, como a legislação vigente e o gerenciamento desses ativos dentro de uma empresa. Como parte da campanha, também repaginamos o portal Empreendedor Legal www.empreendedorlegal.org.br, que será um canal onde os empresários poderão encontrar esclarecimentos e apoio para os seus negócios”, afirma Jorge Sukarie, presidente da ABES.Recentemente, a entidade também lançou um manual interativo para gestão dos ativos de software que pode ser baixado no site da entidade:www.abessoftware.com.br/manual.

O novo portal Empreendedor Legal será um espaço voltado aos empresários com matérias sobre dúvidas frequentes entre as pessoas que iniciam seu próprio negócio. O Empreendedor Legal faz parte de uma iniciativa lançada em abril de 2013, com o intuito de alertar as empresas sobre os riscos do uso do software ilegal e despertar a consciência para problemas como a concorrência desleal que envolve qualquer tipo de vantagem ilícita utilizada para reduzir custos operacionais ou aumentar margens.

Para Jorge Sukarie da ABES, a entidade busca fortalecer o mercado e estimular as novas empresas a se desenvolver em um ambiente de competição justa no país. “Nossa iniciativa tem objetivo de esclarecer os empresários e alertá-los para os perigos a que podem expor as suas empresas. Além disso, estimulamos o respeito mútuo entre as indústrias ao construirmos um mercado baseado na competição saudável. Dessa forma, podemos trazer um impacto positivo e sustentável para a economia de todo o país”, comenta Sukarie.

A campanha é promovida ABES, em parceria com a Apex-Brasil, ABPI, BSA, CNC, CNCP, ETCO, MBC e do Sebrae.

 

Compartilhe