Fecomércio SC afirma rejeição da PEC dos remédios

A Fecomércio SC entende como equivocada a rejeição da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 115/2011, que proíbe a cobrança de impostos sobre medicamentos de uso humano, na última quarta-feira (dia 12), pela Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal. Com a rejeição da chamada PEC dos Remédios, o setor farmacêutico continua a ser penalizado com uma elevada carga tributária. A Fecomércio solicitará à bancada catarinense no Senado (e pedirá às demais federações estaduais do comércio que façam o mesmo junto aos seus representantes) que protocole recurso à mesa pedindo a apreciação da PEC pelo plenário.

(Fonte: Portal da Ilha | 14/11)

Para ler a matéria completa, clique aqui

Compartilhe