Minha história com o ETCO

Desde maio, a newsletter do ETCO traz depoimentos de pessoas ligadas à história do Instituto, fundamentais para a consolidação destes 10 anos de atividades.

Nesta edição, o depoimento de Victório De Marchi, Presidente do Conselho de Administração do ETCO e um dos fundadores do Instituto.

O ETCO surgiu no início dos anos 2000, de um movimento liderado por algumas empresas que vinham tendo sérias dificuldades de competição, provocadas por desvios concorrenciais.

Essas empresas perceberam que competidores usavam métodos ilegais para concorrer no mercado brasileiro, dentre eles o contrabando, a falsificação de produtos e a sonegação, criando um ambiente de negócios absolutamente desigual. Vários trabalhos nesse período foram elaborados e apresentados às autoridades, com propostas visando minimizar essas praticas.

Constatada a amplitude do problema, decidiu-se que seria importante que esses trabalhos não ficassem restritos a um pequeno grupo. Nascia assim o ETCO, como um Instituto independente, com o objetivo de defender o livre mercado e promover a melhoria do ambiente de negócios no País.

Uma das missões do ETCO foi a de trabalhar no sentido de conscientizar as autoridades e a própria comunidade sobre os malefícios que esse tipo de concorrência traz ao Brasil. Entendemos que, para que um país possa crescer de forma sustentável, é fundamental a existência de um ambiente de negócios favorável, onde as forças de mercado possam atuar livremente.

Imbuído desse espirito é que, com satisfação, me integrei a esse grupo de empresários que se predispõem a trabalhar na defesa de um livre mercado competitivo, ético e igualitário.

Essa é a mais importante missão do ETCO.

 

Compartilhe