Procurador da lava jato critica mudanças em MP

O procurador Carlos Fernando Lima: Brasil ‘finge que pune’ quem descumpre a lei – Geraldo Bubniak / / 19.06.2015

SÃO PAULO e BRASÍLIA — As mudanças feitas na medida provisória dos acordos de leniência antes de sua publicação, reveladas neste domingo pelo GLOBO, mostram que o governo federal tinha o objetivo de “facilitar a vida das empreiteiras” envolvidas em esquemas de corrupção. A opinião é de um dos integrantes da força-tarefa da Lava-Jato, o procurador Carlos Fernando Lima, para quem o Brasil “finge que pune” quem descumpre a lei. Dois pontos foram retirados: o que tratava de reparação integral de danos e o que previa afastamento de dirigentes por até cinco anos.

Fonte: O Globo.com (16/02/2016)

Para acessar a matéria completa, clique aqui

Compartilhe