Sefa recebe representantes do ETCO

Por ETCO
16/08/2011

Agência Pará de Notícias – 16/08/2011

A Secretaria Estadual de Fazenda do Pará (Sefa), recebeu, no dia 11 de agosto, a visita de dois representantes do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO) uma organização da sociedade civil de interesse público (Oscip) que congrega empresas e entidades empresariais não governamentais, com o objetivo de promover a melhoria no ambiente de negócios e estimular ações que evitem desequilíbrios concorrenciais causados por evasão fiscal, informalidade, falsificação e outros desvios de conduta.

Estiveram na audiência o embaixador Roberto Abdenur, presidente executivo do ETCO e Everardo Maciel, membro do Conselho Consultivo. Eles foram recebidos pelo secretário da Fazenda, José Tostes Neto; pelo secretário adjunto de Receitas, Nilo Rendeiro de Noronha e pela coordenadora da Escola Fazendária, Maria de Nazaré Arruda. O assunto do encontro foi apresentar a instituição e propor uma parceira no desenvolvimento de ações voltada ao combate dos ilícitos de natureza tributária.

O ETCO ofereceu à Sefa, de forma gratuita, um software que funciona junto ao sistema de Nota Fiscal Eletrônica (NFE) agregando e cruzando as informações disponíveis nas bases de dados, gerando relatórios de análise, consolidando estatísticas por setores e regiões e permitindo à secretaria obter dados sobre a economia do Estado em tempo real, facilitando o planejamento das ações. Esta ferramenta já foi instalada na Secretaria Estadual da Fazenda da Bahia, com sucesso.

“Identificamos um grande potencial de trabalho na ferramenta oferecida. Governo do Estado eETCO vão firmar um convênio de cooperação e o mais  rápido possível o software deve ser agregado ao sistema de informática da secretaria”, informou José Tostes Neto.

Fundado em 2003, o Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial atua na conscientização da sociedade sobre os malefícios sociais de práticas não éticas, e seus reflexos negativos para o crescimento do país. Também apoia iniciativas que estimulem o comportamento ético na economia, e promove e incentiva, estudos e pesquisas celebradas em parcerias com instituições. Compõem o ETCO seis câmaras setoriais, reunindo empresas dos segmentos de tecnologia, medicamentos, combustíveis, fumo, cervejas e refrigerantes.