Informais e ilegais lucram com a crise (Jornal do Brasil)

Por ETCO
15/05/2009

Autor: Felipe Vieira

Fonte: Jornal do Brasil, 15/05/2009

A crise vem irrigando as contas da chamada economia subterrânea, que abrange a venda clandestina e ilegal de bens, produtos ou serviços que violam as regras oficiais. O setor viu crescer 13,6% sua participação no Produto Interno Bruto entre setembro e dezembro do ano passado, período em que o Brasil começou a sentir os efeitos da ambulância internacional. Uma das razões desse crescimento é que o setor independe de credito, mais escasso nos meses detectados pela pesquisa. Os números são da Fundação Getúlio Vargas. (Jornal do Brasil)