Em três meses, contrabando perde mais de R$ 51 milhões

Conhecida nacional e até mesmo internacionalmente como rota do tráfico, contrabando e descaminho, a região Oeste apresenta números astronômicos no que diz respeito ao montante de cigarros apreendidos no primeiro bimestre de 2015.

Conforme dados da Receita Federal de Cascavel, Foz do Iguaçu e Guaíra, já são mais de R$ 51,8 milhões em apreensões de produtos oriundos do Paraguai de 1º de janeiro até agora. Em maços, são mais de 10,7 milhões.

Mas, apesar do volume apreendido, a Polícia Federal aponta que apenas 2% dos produtos que ultrapassam a fronteira são barrados em fiscalizações feitas conjuntamente com a Polícia Rodoviária Federal, Receita Federal, Polícia Militar e Polícia Civil.

Fonte: O Paraná (01/04)

Para ler a matéria completa, clique aqui

Compartilhe