View Post

Fatia da economia informal no PIB brasileiro cresce em 2016, diz estudo

A participação do mercado informal na economia brasileira voltou a crescer em 2016, reflexo da crise econômica no país, que tem afetado o emprego formal, de acordo com levantamento divulgado nesta segunda-feira. A chamada economia subterrânea– produção de bens e serviços não reportada ao governo deliberadamente– alcançou 16,3 por cento do PIB, contra 16,2 por cento em 2015, mostrou estudo …

Compartilhe

View Post

Após 11 anos, participação da economia informal volta a crescer no PIB

po MÁRCIA DE CHIARA – O ESTADO DE S.PAULO Fatia da informalidade aumentou para 16,2% no ano passado, segundo o indicador da FGV e do ETCO Impulsionada pela crise, a participação da economia informal no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro voltou a crescer em 2015, depois de 11 anos de quedas consecutivas. No ano passado, a fatia da economia subterrânea em …

Compartilhe

Economia Subterrânea cai pouco em 2014 e deve voltar a crescer no País

Estudo do ETCO e da FGV/IBRE aponta que o mercado informal movimentou R$ 826 bilhões em 2014, o equivalente a 16,1% do PIB brasileiro Assista a matéria que trata da última edição do Índice de Economia Subterrânea (IES), divulgado pelo ETCO em conjunto com o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV/IBRE). De acordo com o estudo, o mercado …

FGV: economia subterrânea tem a menor queda desde 2003

O tamanho da economia subterrânea – a produção de bens e serviços não reportada ao governo – encolheu este ano no menor ritmo desde 2003, segundo estudo divulgado pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV/Ibre) e pelo Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (Etco). Em 2014, esse setor deve representar 16,2% do PIB, de 16,3% em 2013 – …

Compartilhe

Economia informal deve superar R$ 830 bilhões em 2014, estima FGV

Valor representa 16,3% do PIB do país, segundo levantamento.  Entidades veem maior lentidão na redução da informalidade. A fatia da produção de bens e serviços não reportada ao governo, que fica à margem do Produto Interno Bruto (PIB) nacional – como como ocorre no mercado informal – deve alcançar a marca de R$ 833,9 bilhões este ano, segundo estimativa do …

Compartilhe